Se você é daqueles que ouve falar de milhas por ai, mas ainda está por fora desse universo que pode te render dinheiro vivo, esse post é para você. Queremos te mostrar como acumular e como vender milhas e que tanto um quanto o outro não tem segredos.

O que são milhas?
Milha é um tipo de bônus que empresas dão a seus clientes para garantir que sejam fieis à sua marca. Muita gente conhece ou já ouviu falar das milhas aéreas, mas o que muita gente não sabe é que tem muitas formas de acumular que são bem simples.

Em vários casos o cliente recebe pontos que, posteriormente podem ser transformados em milhas, ao serem transferidos para um programa de fidelidade. Com milhas acumuladas, é possível vender ou trocar por diversos produtos e serviços. Então, vamos começar com as dicas, para você ficar craque no assunto!

Como acumular milhas?

Cartões de crédito  Os cartões de crédito são práticos e é uma das melhores formas de acumular milhas hoje em dia. Com ele você pode pagar desde suas contas do mês, a fazer a viagem de férias e receber pontos por isso.

Os pontos variam entre uma empresa e outra e geralmente são calculados por dólar gasto. Se seu cartão de crédito te rende 2 pontos a cada dólar gasto, por exemplo, se você fizer uma compra de 100 reais hoje, com o dólar a 3,78, você terá ganhado 756 pontos.

Ao fazer as compras do mês, pagar a farmácia, produtos de beleza, pagar os serviços de salão, manutenção de veículo, dentre outras despesas, você junta pontos. E aqui vai uma dica: cadastre as contas de internettv, Netflix, telefone para serem pagas direto no crédito. O que vale é acumular.

Viagens  Quando você viaja, utilizando o avião como transporte, você acumula muitas milhas. A companhia aérea te pontua levando em consideração a sua categoria de cliente, o preço do seu bilhete, a classe em que voará, o trecho voado, o tempo de voo e as conexões.

Outra opção para juntar milhas são as hospedagens. Diversos hotéis pontuam seus clientes tanto pelas diárias, quanto pelas despesas com consumo durante a estadia. Por isso, antes de viajar, faça uma pesquisa e dê preferência para estabelecimentos que te oferecem essa vantagem.

As companhias aéreas também oferecem seus cartões de crédito, que possibilitam um acúmulo de milhas e ainda outros benefícios como bagagem extra, check-in preferencial, seguros de viagem, extensão do prazo de validade dos pontos, dentro outros. Cada empresa aérea tem suas particularidades.

As pontuações dos cartões de crédito, geralmente são por dólar gasto, o que também é comum com a maioria dos cartões presentes no mercado, o que varia de uma empresa aérea para outra é a quantidade de pontos.

DICA: Concentre suas milhas em um só programa de fidelidade, ou em poucos deles. Espalhar um pouco de pontos em vários programas dificulta o resgate, porque na troca por produtos é exigida uma quantidade de mínima de pontos. Sendo assim, voar sempre pela mesma empresa aérea pode ser benéfico.

vender milhas posto de gasolina

Combustíveis

Abastecer seu veículo é uma ótima maneira de acumular milhas. O Km de Vantagens, o programa de fidelidade da rede Ipiranga, te pontua com até 4 pontos para cada R$ 1,00 gasto, se você abastecer até R$ 30,00 ou acima de R$100,00.

Se você abastecer de R$ 31,00 a R$ 100,00 você pode levar até 400 pontos. Essa pontuação fixa é outra forma do Km te ajudar a acumular. Tudo que você acumular abastecendo pode ser transferido para a Multiplus, um dos maiores de programas de fidelidade do país.

E-commerce

Comprar na internet hoje é o que há de mais comum, certo? Fazer disso uma forma de juntar milhas é só mais um passo que você precisa dar para engordar sua conta no programa de fidelidade. Aqui vale aquela mesma dica da companhia aérea, concentre seus pontos em lugar só.

Antes de se cadastrar, faça uma pesquisa e veja qual programa pode te trazer mais vantagem, se a rede de parceiros é grande, se a pontuação é vantajosa, depois disso é só observar as condições para acumular.

Na grande maioria dos programas, para garantir os pontos, é necessário acessar o site da loja em que pretende comprar, por meio de um link, disponibilizado no site do programa de fidelidade no qual é cadastrado.

Depois de acumular um bom saldo de milhas, você pode trocar por produtos, como eletrodomésticos, móveis, materiais esportivos, ingressos para shows, cinema, roupas, sapatos, utensílios de informática, acessórios para veículos, utilidades domésticas, produtos de beleza, dentre outros.

 

Há também a possibilidade de resgatar suas milhas para pagar o aluguel de veículos, reservar hotéis, relaxar em um SPA, saltar de paraquedas, jantar em um bom restaurante, pagar passagens aéreas parcial ou integralmente, dentre outras possibilidades, como trocar suas milhas por dinheiro, por meio da venda.

 

Quando e como vender milhas com garantia de lucro?

 

Venda para empresas transparentes – O primeiro ponto para negociar milhas é saber para quem vender. Conhecer o nome, a reputação da empresa no mercado é fundamental, porque o processo tem a ver com confiança.  Então, nada de vender suas milhas para qualquer um que aparecer!

 

Quando você vende suas milhas, seus dados de acesso ao programa de fidelidade no qual é cadastrado precisa ser fornecido à empresa compradora, para que esta efetue o resgate dos pontos em sua conta. Logo, se a empresa não for confiável, não há garantia de que a transação será lucrativa.

 

Aproveite as altas temporadas – Vender milhas em altas temporadas, nos meses de férias mais badalados, como janeiro e julho, é uma ótima estratégia. Isso porque, nesses períodos há muita demanda por resgates de milhas e pouco lugares vagos nos voos.

 

A demanda também aumenta nas empresas que compram milhas para comercializar e esse fenômeno faz com que os preços das milhas fiquem mais altos. Logo, se nessa época tem muita gente querendo trocar passagens por milhas e você tem milhas acumuladas, vender é um negócio bem lucrativo.

 

Venda em grandes quantidades – A variação no preço de uma unidade de milha pode variar, se a quantidade a ser vendida for grande. É necessário, entretanto ficar de olho na data de validade. Acumule sem deixar expirar.

 

Fique de olho nas promoções de taxas de transferência – Para transferir pontos de cartões de créditos, do Km de vantagens, ou de um programa de fidelidade para outro, quando há parceria, geralmente é cobrada uma taxa. Fique de olho, alguns programas oferecem milhas bônus ou redução de taxas de transferência.

 

Compare os valores de resgates com a venda de milhas – Se uma empresa aérea determina que para resgatar um bilhete são necessárias 15.000 milhas, por exemplo, faça uma cotação e veja quanto vale essa mesma quantidade de milhas, caso opte por vendê-las.

 

Se o valor que receber pelas milhas for maior do que o preço que pagará pela passagem em dinheiro, você estará lucrando. O mesmo vale para o resgate de produtos ou serviços. Vender milhas é ser livre para escolher o que é melhor para seu bolso.

 

Caso ainda tenha alguma dúvida sobre como vender milhas, nós da Cash Milhas estamos aqui para atender você, entre em contato conosco ou faça uma cotação, te mandamos um e-mail na mesma hora com o valor. Você ainda pode escolher se quer receber antecipado ou agendado. Que tal lucrar hoje?